Guia dos Solteiros

Points para solteiros: Vitória e Vila Velha

Alô solteirada! Hoje o Guia abre mais uma coluna com altas dicas para vocês: os melhores points para solteiros. O primeiro post dessa coluna vai pro pessoal das cidades de Vitória e Vila Velha, localizadas no estado do Espírito Santo.

ponte
Ponte que dá acesso à Ilha do Frade. Foto: minha mesmo.

Muitos capixabas reclamam da falta de opção por aqui, mas a verdade é que de um tempo para cá, essas duas cidades cresceram bastante.

Vitória

Vitorinha, como muitos capixabas se referem (carinhosamente ou pejorativamente?), tem mais coisas para fazer do que aparenta.

Na Praia do Canto, o Triângulo das Bermudas, recém inaugurado, oferece opções de barzinho como o Abertura, Fuel Station, Ensaio Botequim e (o também recém inaugurado) Jazz Café trazem variedade para todos os gostos.
Não muito longe existe o Mr. Beer, com muitos rótulos de cerveja diferentes. Também nesse caminho de cervejas diferentes, existe o Bierdorf, que se localiza onde era a antiga Devassa. Para quem gosta de dançar, o caminho é o Balístico Music Bar. Fique atento com a programação de shows. Gosta de cerveja barata? Também é possível no Triângulo. O Bilac e o Canto da Roça estão aí para provar.

Em Jardim da Penha temos mais algumas opções: o Divino Botequim é um ótimo lugar para encontrar os amigos durante o Happy Hour. Já na famosa Rua da Lama existem vários botecos e bares, mas todos mantém mais ou menos o mesmo nível. O Belisco enche de gente às sextas, acompanhado pelo Birita (vale a pena pedir um Forrózinho – shot feito com sumo de limão e catuaba).

Mata da Praia está se tornando um novo point para todas as idades. Com restaurantes deliciosos e bares divertidos, o bairro inicialmente residencial está abrindo as portas para o entretenimento. Na minha opinião, é atualmente o melhor lugar para se passar o tempo livre. O recém-inaugurado pub irlandês O’Frank fez tanto sucesso com suas cervejas especiais e comida deliciosa que fica difícil até de arrumar lugar para sentar. O restaurante mexicano Los Chicos é tudo de bom: comida deliciosa, drinks e michelada (cerveja, limão, gelo, sal e pimenta)! Ay caramba! A lanchonete Aloha ferve de gente bonita, e o La Dolina oferece o melhor da comida argentina.

Jardim Camburi cresceu muito nesses últimos anos, inaugurando sucessos como o Chopp Brahma Express, Don Tequila (mexicano), Kalua e Bar Caiana, onde é possível até ouvir música brasileira de qualidade (lembrem de pagar o couvert!).

Em outras localidades: também bombam a animada Casa de Bamba (Centro), que sempre tem samba e choro ao vivo, o bar Turkzoo (Santa Luzia) e a boate Adega Sertaneja (Praia do Suá).


Vila Velha

A vida social em Vila Velha também melhorou muito. Antes, os canela-verdes precisavam atravessar a ponte para ter um pouco de diversão. Hoje em dia muitos bares, lanchonetes e restaurantes abriram as portas (muitas vezes até melhores do que na capital do estado).

Na Praia da Costa estão localizados o Maria Pimenta (sucesso entre a mulherada!), De Passagem, Academia do Álcool e a chopperia La Villa, que também funciona como um delicioso self-service durante o dia. O Posto Champagnat também tem várias opções de bebidas e acaba funcionando como uma espécie de ponto de encontro antes da balada.

Itapuã é responsável pelo melhor torresmo que já comi na minha vida. O boteco Parakapá é altamente recomendado (por mim e por todo mundo que já foi!).

Em direção à Coqueiral de Itaparica fazem sucesso o bar Abertura, Parador e o Caranguejo do Assis (comida deliciosa, aliás).


Contaremos com ajuda de leitores e amigos para fazer essa coluna bombar, portanto, se tiver dicas, mande pra gente! Poste sua dica aqui nos comentários para ajudar outros leitores. Valeu!

9 comentários

  • Em Jardim Camburi, outra ótima opção é o Bananas Choperia. Boa opção no almoço e também à noite. O ambiente é ótimo!

    • Não tive essa sorte no Banana’s do Day by Day. A comida estava mal feita, sem tempero e a carne, dura. Mas eu posso ter dado azar, né? Foi no Restaurant Week, vai ver eles estavam despreparados.

    • Olá, Luiz.

      Eu dei dicas de lugares que costumo frequentar e posso dar minha opinião sobre. Se souber de alguma boate legal, fique à vontade para deixar sua dica! 🙂

  • Para solteiros: Vila Bohemia em Vila Velha e Woods na orla de Camburi.
    Quem gosta de dançar forró tem o salão Gonzagão na rua do canal em Jardim da Penha.

  • Se esses comentarios sao pra solteiros, putz, parece que ta todo mundo casado e esqueceram o que de fato solteiro está em busca… falar de almoço, qualidade da comida e bla-bla-bla como “dicas” p solteiros eh o fim do mundo !

    • Concordo com você, Pedro.
      Solteiros querem ir à lugares onde possam conhecer outras pessoas, fazer amizades e, quem sabe, algo mais. A qualidade da comida entre outras observações são realmente sem utilidade.