Guia dos Solteiros

Quais as diferenças entre os tipos de vinhos?

Vinho tinto, vinho branco, vinho seco, vinho suave. O que tudo isso significa?

O vinho é uma das bebidas mais apreciadas ao redor de todo o mundo. Existem muitas variações da bebida, e se você não for um conhecedor de vinhos, é possível ficar perdido na hora de escolher o seu.

Hoje, você vai aprender quais as diferenças entre os tipos de vinhos para nunca mais errar na hora de convidar aquela pessoa especial para jantar.

Tipos de vinhos e suas diferenças

1 – Vinho tinto

Vinho tinto

Chamamos de vinho tinto aquele que é feito de uvas com coloração arroxeada. São os vinhos escuros, provenientes de diversos tipos de uvas. Cada tipo de uva resulta em um vinho diferente, com sabores e aromas únicos.

O vinho tinto pode ser seco ou suave. Se você não tem certeza do que isso significa, vamos explicar logo a seguir.

2 – Vinho seco

Vinho seco

O vinho seco é um tipo de vinho feito com o extrato natural da fruta, sem adição de componentes adoçantes. Isso resulta em um vinho mais encorpado, marcante e que “amarra a boca”. No início, para quem não está acostumado, esse tipo de vinho pode ser apreciado com certa hesitação.

Já para quem está acostumado com vinhos, o vinho seco é o melhor que existe, pois permite a degustação do verdadeiro sabor da uva, além do aroma inconfundível.

3 – Vinho suave

Vinho suave

O vinho suave é basicamente um vinho qualquer com adição de adoçantes. Isso faz com que o sabor do vinho seja alterado e distorcido, porém, ele fica mais agradável ao paladar. É uma boa opção para quem não tem o costume de beber vinhos e não tem interesse em se aprofundar nesta arte.

Também é o tipo de vinho ideal para servir aos convidados cujos gostos você não conhece. De outra forma, se você sabe que sua visita gosta de apreciar vinhos, aposte no seco.

4 – Vinho branco

Vinho branco

O vinho branco é produzido a partir das famílias de uva com coloração transparente (também conhecidas como uvas verdes, ou uvas brancas), mas também pode ser feito com uvas tintas. No caso das uvas tintas, o líquido não pode ter nenhum contato com a casca das uvas, que é o que dá a cor e o sabor adstringente.

Seu sabor é levemente suavizado em relação ao vinho tinto, mas também existem variações de vinho branco seco e suave.

O vinho branco é um tipo de vinho comumente utilizado para temperar carnes e acompanha muito bem jantares com carnes brancas e peixes.

5 – Vinho rosé

Vinho rosé

O rosé é um vinho que está no meio caminho entre um branco e um tinto. Sua obtenção é através de variações nos processos de fabricação dos vinhos. Existem várias formas de se obter um vinho a partir de uma uva.

O rosé é extraído antes da conclusão do processo que transforma a uva em vinho tinto, sendo assim um vinho mais suave, leve, mas que ainda apresenta uma leve adstringência. Ele pode acabar sendo o vinho favorito de muitas pessoas, já que é uma combinação de características.

Uma das maiores vantagens desse tipo de vinho é sua versatilidade, podendo ser harmonizado com uma grande variedade de alimentos, desde saladas até pizzas. O vinho rosé é também uma excelente opção para servir às visitas.

6 – Vinho frisante

Vinho frisante

O vinho frisante é um vinho obtido através dos mesmos processos de vinhos tintos, brancos e rosés, porém, são levemente gaseificados. Este é um vinho para consumo rápido, já que o envelhecimento faz com que o gás desapareça.

O frisante harmoniza bem com refeições mais leves e sobremesas, já que é um vinho igualmente leve.

Agora que você já sabe as diferenças entre os tipos de vinhos, compartilhe com seus amigos!

0/5 (0 Reviews)

Adicionar comentário