Guia dos Solteiros

Faça você mesmo para novos solteiros (e a ansiedade pós-casa nova)

Antes de mudar para uma casa zerada, como vocês viram no post anterior, minha primeira dica é: economize. Pense em tudo o que você vai precisar e tente estipular um valor que te deixe minimamente confortável (leia-se, fora do perrengue). Ainda assim, eu conto minha experiência com essa economia: a única coisa que comprei investindo de verdade (em qualidade com uma marca boa) foi a cama. É TANTA coisa inesperada que aparece, tanta surpresa que um apartamento alugado te trás, que sua economia corre o risco de desaparecer. Então, além do esforço em comprar tudo baratinho, você pode precisar de projetos do tipo Faça você mesmo. E a boa notícia é: isso pode ser muito divertido!

quadro

Pra mim, projetos Faça você mesmo não ficam apenas num passo a passo de como fazer algo sozinho (que são ótimos e vamos falar sobre), mas começa com sua disposição total de ir atrás e colocar um toque especial em cada cantinho.

Apresento o meu caso:
Em menos de 2 meses, mudei a cara daquele apartamento vazio que vocês viram. Já tenho tudo que é prioridade: cama, geladeira, guarda-roupa, panelas, pratos, talheres, etc. Mas quem disse que já rolaram inaugurações, reuniõezinhas e comidinhas com os amigos? Eu olho pro pinterest, o Pinterest olha pra mim e a gente diz um para o outro: ainda não. E se você também sofre da síndrome do anfitrião perfeito como eu, pode aproveitar algumas dicas para resolver quase tudo com pouca grana.

Primeira dica: é preciso ter paciência!
Decorar uma casa do seu jeito e fazer projetos com as próprias mãos leva tempo. O seu e o próprio tempo de cada projeto. Desde antes de mudar eu estou juntando garrafas pra fazer um pufe e até hoje não terminei. A essa altura, não aguento mais ver garrafas pet na minha frente. Que saber do que se trata esse pufe? Próximo tópico!


 

Pufe de garrafa pet
Simples assim. E você ainda vai dar uma super ajuda pro meio ambiente com a reciclagem. Muitas garrafas + papelão + muita fita adesiva + espuma + uma capa bonita. Esse vídeo ensina direitinho como é. Vejam abaixo o que tenho pronto. Tenho garrafas para mais um, e dessa vez vou filmar e fazer um passo-a-passo pra mostrar pra vocês, que tal?

pufe



Reforme móveis usados

Procure saber onde você pode conseguir móveis usados. Vale o Exército da Salvação, uma feira de garagem de alguém que está se mudando, classificados, mercado livre, ou então lugares que vendam móveis crus, como madeira de pino (sem pintura ou verniz). Só pra vocês terem uma ideia, com essas opções consegui geladeira, mesa, cadeiras, bancos, gaveteiro, mesa para televisão, criado mudo, aparelho de DVD, televisão, guarda-roupa e outras coisinhas. Sendo que uma parte dessas coisas, me deram porque não usavam mais.
Com os móveis velhos ou que não receberam nenhum acabamento de pintura, entra sua disposição. Eu pintei um gaveteiro grande, uma mesa, e estou pintando as cadeiras e os bancos. Faz muito tempo que quero uma mesa turquesa e foi mais fácil que eu imaginava:

moveisreformados


 

E como não queria tudo turquesa, escolher a cor das cadeiras e banquinhos foi um dilema. Então eu fui para no Photoshop e fiz uns testes – parece piada, mas deu certo! Todo mundo conhece alguém que sabe o básico desse programa. Consegui resolver o meu problema, vejam só os testes:

corcadeira

E o resultado foi esse:

cadeiraverde


 

Improviso
Um pouco de improviso sempre pode te ajudar. Eu me deparei com uma parte da cozinha abandonada e feia, onde eu acabei colocando coisas de limpeza, mas não queria deixar aparecendo. Então eu inventei uma cortina! Tinha o tecido em casa e pedi pra minha sogra costurar pra mim. E a curiosidade é: quando eu era pequena, a gente tinha uma cortininha exatamente igual na cozinha, xadrezinha vermelha e branca! 🙂

cortina


 

E a moral de tudo isso é: dedicação e disposição podem ajudar a salvar o seu perrengue.
Por mais que ainda não seja uma casa-de-pinterest, com um pequeno investimento e com boas ideias, sua casa ganha outra cara. E assim, bem bonitinha, minha casinha já pode receber visitas, o que no meu mundo significa comida. E pra vocês, significa que o próximo post vai trazer receitinhas especiais para solteiros! 🙂

5.0
02

3 comentários