Guia dos Solteiros

Cães ou gatos – qual o melhor para mim?

Ah, que dúvida cruel. Ter um cãozinho ou um gatinho? Ambos têm suas vantagens, são parte da família e com certeza darão muito amor e carinho aos seus donos. Entretanto, a escolha entre cães ou gatos pode não ser baseada somente nas suas preferências pessoais.

Quando você for adotar um animalzinho, deve pensar não somente na sua satisfação, mas principalmente nos cuidados e condições que seu bichinho vai ter com você. Hoje, vamos te ajudar a escolher qual o melhor para o seu caso.

Devo escolher cão ou gato?

1 – Tempo disponível

Uma das coisas que mais governa nossa vida na atualidade é o tempo. Nossa disponibilidade é mais eficiente em nos dizer o que podemos ou não fazer do que nossa mãe. Na hora de escolher entre cães ou gatos, é a mesma coisa.

Se você não tem tempo para nada, mal fica em casa e aos fins de semana também gosta de sair, escolha um gato. Os gatos são animais independentes. Eles se viram muito bem sozinhos se tiverem comida e água. Já os cães podem sentir muito sua falta. Além de fazerem bagunça na casa, podem entrar em depressão pela falta que sentem do dono.

2 – Disposição quando chega em casa

Se você é daqueles que quando chega em casa só quer desmontar em cima do sofá e morrer por algumas horas, fique com o gato. Os cães precisam passear, preferencialmente, todos os dias.

Assim, se você escolher um cão, saiba que deverá levar seu animalzinho para dar uma volta todos os dias, ou pelo menos dia sim, dia não. Os gatos não precisam sair muito de casa, aliás, pelo contrário, como veremos a seguir.

3 – Viagens

Viagem com pet

Para pessoas que costumam viajar bastante, o ideal é ter um cão. Você pode deixar os cães em hotéis especiais para cães e eles ficam muito bem nesses locais. O mesmo ocorre se ficarem na casa de algum familiar ou amigo.

Já os gatos ficam muito estressados com a mudança de ambientes. Eles não se dão bem quando estão fora de casa, pois são mais reservados. Portanto, se você viaja muito, entre cães ou gatos, escolha um cão.

4 – Diversão e recepção

Se o seu sonho é chegar em casa e ser recebido com lambidas e golpes violentos de amor e carinho, a escolha é óbvia. Tenha um cãozinho e seja feliz. Os gatos são tão amorosos quanto os cães, mas a forma de demonstrar esse amor é o que muda.

Ao contrário do que muita gente pensa, gatos não são traiçoeiros, frios ou indiferentes. Eles têm uma personalidade independente e não se preocupam em fazer com que você os note o tempo todo.

Porém, você notará, se escolher um gato, que ele frequentemente vem te pedir carinho, deslizando para perto de você, subindo no seu colo ou dando pequenas lambidinhas nas pontas dos seus dedos.

5 – Proteção da casa

Cão protegendo a casa

Entre cães ou gatos, os cães são os que melhor protegem a casa quando alguém estranho se aproxima. Os gatos só irão revidar se alguém tentar fazer mal a eles diretamente. Então, escolha um cão se você quer manter sua casa mais segura.

6 – Higiene

Gatos se mantêm limpinhos por mais tempo, além de fazerem suas necessidades naturalmente na caixinha de areia. Entretanto, apesar de eles se darem banhos com lambidas, ainda é necessário dar banho neles com água e sabão, de tempos em tempos.

Já os cães, precisam de mais cuidados na questão da higiene. Além de adestrar seu cãozinho para que ele faça suas necessidades no local correto, é aconselhável levar ao pet para dar banho mais frequentemente.

E aí, se decidiu? Cachorro ou gato? Ajude outros amigos a se decidirem também. Compartilhe com eles este post!

2 comentários

  • Se você não tem tempo para nada, mal fica em casa e aos fins de semana também gosta de sair… não tenha animal de estimação. Ou tenha um peixe.

    • Olá, Beatriz!

      Concordo completamente com você!

      Os bichinhos necessitam de certos cuidados, então é importante criar se tiver a devida responsabilidade, caso contrário, um peixe é uma boa mesmo! 🙂

      Abraços!